segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Desabafo (sem) sentido.







Às vezes, penso apenas que ninguém me vê realmente.



2 comentários:

opinião própria disse...

Só quem realmente interessa é que te efectivamente te vê...

Corset disse...

desafio do meu blog pra ti ;)